Como configurar uma gaiola de pássaro para um periquito, periquito ou papagaio

Autor do contato

Como organizar a melhor gaiola para o seu pássaro

Então você decidiu adicionar um pássaro à sua casa! Antes de levar para casa o seu amiguinho emplumado, saiba o que ele precisa e prepare tudo. Ele se estabelecerá em sua nova casa com mais segurança se descobrir rapidamente todas as suas necessidades. Então vocês dois podem se concentrar na parte divertida: curtir uma nova amizade.

Uma palavra rápida sobre a gaiola: o assunto de selecionar a melhor gaiola dentre todas as possibilidades disponíveis merece um artigo próprio, mas vou apenas dizer algumas palavras. A característica mais importante de uma gaiola é o espaçamento apropriado da barra para o tamanho do seu pássaro.

Quão próximas devem estar as barras da gaiola?

Periquitos (também chamados periquitos) e calopsitas precisam de espaçamento de ½ polegada, um papagaio pequeno como um conure ou um Timneh African Grey precisam de espaçamento de ¾ pol.

É uma questão de segurança, pois um pássaro pode ficar com a cabeça presa em barras muito afastadas para o seu tamanho ou até mesmo escapar juntas. Dar um tempo para o seu pássaro fora da gaiola é uma coisa muito boa, mas você não o quer se soltar sem supervisão, se enroscando em cordões de cortina, se perdendo debaixo do sofá ou até apertando um buraco na tela.

Ao montar o espaço do seu pássaro, considere o que o manteria saudável e feliz na natureza, depois faça alguns ajustes para proporcionar isso em sua casa.

Poleiros: Onde, Que Tipo e Quantos

Um pássaro fica em pé o tempo todo, mesmo enquanto dorme. Primeiro e mais importante, forneça uma variedade de larguras e contornos para pousar dentro da gaiola. Isso é resolvido automaticamente na natureza, pois as árvores sempre fornecem galhos de vários tamanhos. Os pés de um pássaro precisam exercitar-se regularmente em diferentes larguras para manter as articulações flexíveis ou podem ocorrer sérios problemas nos pés. Os poleiros de cavilha simples, geralmente incluídos no preço de uma gaiola, infelizmente são os piores tipos. Muito melhor são poleiros que oferecem larguras e contornos irregulares.

Use um pedi-poleiro para ajudar a manter as unhas cortadas

Outra questão é o corte de unhas. Os pássaros em estado selvagem desgastam as unhas com muita escalada e aterrissagem em superfícies ásperas. As aves de interior precisam de mais ajuda para manter as unhas sob controle, e um poleiro é ideal. Os retratados combinam uma superfície áspera para desgastar as unhas e larguras variáveis ​​para esticar as articulações dos pés. O tamanho pequeno é perfeito para periquitos e periquitos, e o meio funciona para papagaios de tamanho médio a grande. O tamanho grande é - bem, muito grande. Somente as maiores araras precisariam de uma grande. Os poleiros de Pedi se prendem firmemente ao lado de uma gaiola e não ocupam muito espaço. Lembre-se de que um poleiro pedi pode não eliminar completamente a necessidade de cortes ocasionais nas unhas, mas ajudará.

Poleiros de corda

Mais um tipo de poleiro deve ser mencionado. Os poleiros de corda têm várias larguras e comprimentos e têm a excelente propriedade de serem flexíveis. Eles têm um núcleo de arame e podem ser dobrados em qualquer configuração: diretamente na gaiola, em ângulo reto ou em zigue-zague.

A colocação de poleiros dentro da gaiola

A gaiola deve ter poleiros suficientes para que cada pássaro tenha um local de descanso confortável, mas não tantos que o espaço pareça lotado. Lembre-se de que os pássaros tendem a preferir um ponto alto, porque isso parece mais seguro. Se um pássaro entrar em uma nova gaiola com vários níveis de poleiros disponíveis, ele normalmente gravitará ao máximo e ignorará os outros. Infelizmente, ele acaba tirando menos proveito de seu espaço. Uma boa maneira de acostumar um novo pássaro a usar mais gaiola é configurá-lo inicialmente com poleiros não superiores ao nível intermediário. Depois de dar a ele algumas semanas para se estabelecer e decidir sobre os lugares favoritos, adicione um poleiro alto. Como todos os poleiros de nível intermediário agora são familiares e se sentem seguros, ele não abandonará seus lugares antigos e agora terá um poleiro extra.

Tigelas de Comida e Água

De quantas tigelas de comida a gaiola precisará?

Uma gaiola deve ter pelo menos tantas tigelas de comida quanto pássaros e, de preferência, um extra. Uma tigela extra significa que cada pássaro sempre tem uma escolha de lugares para comer, e todos se sentem mais seguros quando têm opções. O metabolismo das aves é alto e eles devem ter acesso consistente aos alimentos durante as horas de vigília.

A tigela de comida deve cair no chão ou na lateral da gaiola?

Eles se sentem mais vulneráveis ​​no chão da gaiola (o chão é onde os predadores se escondem); portanto, é melhor prender tigelas de comida nas laterais da gaiola do que colocá-las no chão.

As tigelas de comida precisam de capuzes?

Muitas tigelas de comida são feitas com capuz para minimizar a bagunça e o desperdício, mas o problema é que alguns pássaros têm medo de colocar a cabeça em um prato de comida com capuz. Da perspectiva de uma pequena criatura sempre alerta para perigos, esse tipo de tigela não parece seguro.

Tigela ou garrafa de água?

Para a água, existem duas opções: uma tigela aberta ou uma garrafa de água. Uma tigela de água aberta pode coletar alimentos, poeira ou detritos, enquanto uma garrafa de água corre o risco de ficar entupida. A melhor idéia é ter os dois disponíveis o tempo todo. Ao comprar uma garrafa de água, certifique-se de pegar uma que prenda firmemente no lado da gaiola. As garrafas de água que deveriam ser presas à gaiola com um laço de arame tendem a escorregar.

Um bloco de choco e mineral

Um bloco de ossos de choco e um mineral fornecem ao seu pássaro os nutrientes necessários e a chance de exercitar seu instinto de mastigação. O bico de um pássaro está sempre crescendo, e uma saída para mastigar ajuda a desgastá-lo. Esses itens são bastante baratos e oferecem benefícios para o seu pássaro.

Brinquedos para pássaros

Para escolher ótimos brinquedos, pense no que os pássaros gostam de fazer na natureza. Os papagaios têm um forte instinto de mastigar, principalmente as fêmeas, que precisam mastigar madeira durante o ninho. Brinquedos que oferecem uma boa oportunidade para mastigar e triturar sempre são populares. Os pássaros também gostam de se arrumar, tanto com suas próprias penas quanto com os outros. Brinquedos com muitos fios soltos apelar para o instinto preening.

Um brinquedo que os pássaros sempre gostam é um sino. Algo sobre o som que o sino faz e a oportunidade de agarrar o badalo são infinitamente atraentes. Muitos pássaros também gostam de usar um sino como chapéu. O que isso tem a ver com a vida selvagem não é claro.

Etiquetas:  Coelhos Animais Exóticos Animais de fazenda como animais de estimação